Neste Carnaval Entre no Bloco da Tolerância

19



 


Você sabia que o Carnaval remonta da Antiguidade e sua chegada ao Brasil aconteceu na época da colonização, com forte influência das festas carnavalescas, que aconteciam na Europa? Os portugueses, que colonizaram o Brasil, trouxeram a brincadeira de rua, ainda hoje utilizada através dos blocos, e também os bailes de máscara. A festa tão propagada em todos os cantos do país, não foi invenção do povo brasileiro, embora seja marcante em sua cultura.


É, o carnaval chegou, meu povo! E a gente quer propor uma mudança pra este período festeiro. É deixar de festejar? NÃÃÃOO! É procurar ser mais tolerante durante a curtição e também curtir o carnaval do seu jeito? CLARO QUE SIIIMM! Nada de julgamentos ou imposições. Deseja pular e se divertir de dia e à noite? Vai lá e se joga! Deseja fugir da cidade cheia e ver a natureza? Perfeito! E descansar no feriadão? Pode ser legal também!


Para que aconteça essa harmonia, énecessário que se desenvolva uma cultura de valorização da diversidade coletiva, para que haja o exercício, desde cedo,da função social e que possibilite a compreensão das semelhanças entre as pessoas e a incompatiblidade existente em cada uma delas.As pessoas possuem semelhanças, mas são únicas e por isso, hádiferenças. Por isso falar sobre diversidade remete ao desenvolvimento de um olhar empático, em todos os aspectos e isso ressona de forma positiva.Aproveita durante este período do carnavalpara praticar o respeito, despido de qualquer preconceito.


Seja como for sua folia: no sossego, na “muvuca” ouem casa, a melhor forma de curtir o feriado é do jeito escolhido por cada um. Há opções disponíveis para todos os gostos. O que não pode é vestir a fantasia do preconceito e desrespeito.


Cair na folia está liberado!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here